Home Playlist das músicas mais tocadas de "1976"

Músicas Mais Tocadas de 1976

Pavão misterioso, pássaro formoso Tudo é mistério nesse teu voar Mas se eu corresse assim Tantos céus assim Muita história eu tinha pra contar Pavão misterioso nessa cauda aberta em leque Me guarda moleque de eterno brincar Me poupa do vexame de morrer tão moço Muita coisa ainda quero olhar Pavão misterioso, pássaro formoso Tudo […]
O homem chega, já desfaz a natureza Tira gente, põe represa, diz que tudo vai mudar O São Francisco lá pra cima da Bahia Diz que dia menos dia vai subir bem devagar E passo a passo vai cumprindo a profecia do beato que dizia que o Sertão ia alagar O sertão vai virar mar, […]
Eu sou nuvem passageira Que com o vento se vai Eu sou como um cristal bonito Que se quebra quando cai Não adianta escrever meu nome numa pedra Pois esta pedra em pó vai se transformar Você não vê que a vida corre contra o tempo Sou um castelo de areia na beira do mar […]
Don’t go breaking my heart I couldn’t if I tried Honey if I get restless Baby you’re not that kind Don’t go breaking my heart You take the weight off me Honey when you knock on my door I gave you my key Nobody knows it When I was down I was your clown Nobody […]
Meu caro amigo, me perdoe, por favor Se eu não lhe faço uma visita Mas como agora apareceu um portador Mando notícias nessa fita Aqui na terra tão jogando futebol Tem muito samba, muito choro e rock’n’roll Uns dias chove, noutros dias bate o sol Mas o que eu quero é lhe dizer que a […]
If you leave me now you’ll take away the biggest part of me No baby please don’t go And if you leave me now you’ll take away the very heart of me No baby please don’t go, no I just want you to stay A love like ours is love that’s hard to find How […]
Quando eu fui ferido Vi tudo mudar Das verdades Que eu sabia Só sobraram restos Que eu não esqueci Toda aquela paz Que eu tinha Eu que tinha tudo Hoje estou mudo Estou mudado À meia-noite, à meia luz Pensando! Daria tudo, por um modo De esquecer Eu queria tanto Estar no escuro do meu […]
Lava roupa todo dia, que agonia Na quebrada da soleira, que chovia Até sonhar de madrugada, uma moça sem mancada Uma mulher não deve vacilar Eu entendo a juventude transviada E o auxílio luxuoso de um pandeiro Até sonhar de madrugada, uma moça sem mancada Uma mulher não deve vacilar Cada cara representa uma mentira […]