Serenata – Marília Mendonça

Foi chegando e chegou
Já entrando, olhando
E mudando meus planos
O que é que tá rolando?

Ele chegou na voadora
E o coração, “tadin”, num golpe foi pra lona
Arrancou de mim minhas bebidas e a farra
Só consigo pensar em serenata

Se amar assim for brega
Me chama de Marília Mendonça ou de Falcão
Meu show agora é só voz e violão
Assim, debaixo da janela
Jantar a luz de velas
Agora é “momozin” ou “momozão”, eu sei que é brega

Me chama de Marília Mendonça ou de Falcão
Meu show agora é só voz e violão
Assim, debaixo da janela
Jantar a luz de velas
Agora é “momozin” ou “momozão”, eu sei que é brega