Home Playlist das músicas mais tocadas de "Francisco Alves"

Músicas Mais Tocadas de Francisco Alves

Por que foi que tu deixaste nossa casa na Favela ? Num quero saber mais dela num quero saber mais dela A casa que te dei tem uma porta e jinela num quero saber mais dela não quero saber mais dela Purtugues, tu não me invoca me arrespeita, eu sou donzela num vou na tua […]
Eu tenho uma tesourinha Que corta ouro e marfim Serve também para cortar Línguas que falam de mim Ó pé de anjo, ó pé de anjo És rezador, és rezador Tens um pé tão grande Que és capaz de pisar Nosso Senhor, Nosso Senhor A mulher e a galinha São dois bichos interesseiros A galinha […]
Subi lá no morro só pra ver o que o negro tem Pra sambar gostoso e fazer samba como ninguém Subi lá no morro só pra ver o que o negro tem Pra sambar gostoso e fazer samba como ninguém Negro sambando esquece da dor Negro transporta pro samba o amor E faz sambar muita […]
Eu queria saber por que é Que este homem bateu na mulher Que mulher engraçada e adorada Que se acostumou com a pancada! Ai, como é bão querer! Sofrer calado Sem ninguém saber Alivia estes olhos pra lá Que ainda ontem eu fui me rezar Tenho medo desse olhar Que procura-me a vida atrasar.
A Bahia não dá mais coco para botar na tapioca Pra fazer o bom mingau para embrulhar o carioca Papagaio louro do bico dourado Tu falavas tanto qual a razão que vives calado Não tenhas medo coco de respeito Quem quer se fazer não pode Quem é bom já nasce feito
Minha cabocla, a Favela vai abaixo Quanta saudade tu terás deste torrão Da casinha pequenina de madeira que nos enche de carinho o coração Que saudades ao nos lembrarmos das promessas que fizemos constantemente na capela Pra que Deus nunca deixe de olhar por nós da malandragem e pelo morro da Favela Vê agora a […]
Vem, vem Que eu dou tudo a você Menos vaidade Tenho vontade Mas é que não pode ser O amor é o do malandro Oh, meu bem Melhor do que ele ninguém Se ele te bate É porque gosta de ti Pois bater-se em quem Não se gosta Eu nunca vi
Fugindo da nostalgia Vou procurar alegria Na ilusão dos cabarés Sinto beijos no meu rosto E bebo por meu desgosto Relembrando o que tu és E quando bebendo espio Uma taça que esvazio Vejo uma visão qualquer Não distingo bem o vulto Mas deve ser do meu culto O vulto dessa mulher… Quanto mais ponho […]
Favela oi,favela, Favela que guardo no meu coração Ao recordar com saudade A minha felicidade Favela dos sonhos de amor E do samba-canção Hoje tão longe de ti Se vejo a lua surgir Eu relembro a batucada E começo a chorar Favela das noites de samba Berço dourado dos bambas Favela é tudo que eu […]
Nem tudo que se diz se faz eu digo e serei capaz de não resistir nem é bom falá se a orgia se acabá. Tu falas muito meu bem e precisas deixá se não eu acabo dando prá gritá na rua: ó, eu quero uma mulher bem nua ! Mas esta vida não há quem […]
Quem acha vive se perdendo Por isso agora eu vou me defendendo Da dor tão cruel desta saudade Que por infelicidade Meu pobre peito invade Por isso agora lá na penha Vou mandar minha morena Pra cantar com satisfação E com harmonia Esta triste melodia Que é meu samba em feitio de oração Batuque é […]
Se você jurar que me tem amor Eu posso me regenerar Mas se é para fingir, mulher A orgia assim não vou deixar Muito tenho sofrido Por minha lealdade Agora estou sabido Não vou atrás de amizade A minha vida é boa Não tenho em que pensar Por uma coisa à-toa Não vou me regenerar […]
Não sei por que se estás ao meu lado sem nada dizer sinto em mim o coração margurado na aflição de um velho sonho reviver… o silencio é que fala do passado. Deixa que a boca em tua boca embriagado de loucura e de esplendor possa te dizer chorando quanto é pouca a vida para […]
Estou vivendo com você Num martírio sem igual Vou largar você de mão Com razão Para me livrar do mal Supliquei humildemente Pra você se endireitar Mas agora, francamente Nosso amor vai se acabar Vou embora afinal Você vai saber porque É pra me livrar do mal Que eu fujo de você
Por que bebes tanto assim rapaz? Chega, já é demais Se é por causa de mulher É bom parar Porque nenhuma delas Sabe amar Se tu hoje estás sofrendo É porque Deus assim quer E quanto mais vai bebendo Mais lembras desta mulher Não crês, conforme suponho, Nestes versos de canção: “Mais cresce a mulher […]
O cinema falado é o grande culpado da transformação Dessa gente que sente que um barracão prende mais que o xadrez Lá no morro, seu eu fizer uma falseta A Risoleta desiste logo do francês e do Inglês A gíria que o nosso morro criou Bem cedo a cidade aceitou e usou Mais tarde o […]
Depois de tudo acostumado, foi pior Ela me viu, cuspiu de lado, na maior (na maior) Meu travesseiro tá molhado é o meu suor Quem precisar de mim me encontre, eu tô na moda Não tem mais papo, choro nem vela Foi ela quem invadiu o meu endereço Fez um fogo no começo Fez um […]
Esta mulher Há muito tempo me provoca Dá nela! Dá nela! É perigosa Fala mais que pata choca Dá nela! Dá nela! Fala,língua de trapo Pois da tua boca Eu não escapo Agora deu para falar abertamente Dá nela! Dá nela! É intrigante Tem veneno e mata a gente Dá nela! Dá nela!